Há tanta coisa acontecendo...

Primeiro texto dessa newsletter semanal

Há tanta coisa acontecendo...

Enquanto escrevo esta frase, me dou conta de que eu costumo começar escrevendo muitas vezes essa mesma frase. É uma espécie de abertura para eu conseguir compreender melhor tudo que está se passando aqui.

Viver é um lance complicado. Parece que não temos condições de lidar com tudo que acontece na nossa vida e a tendência é ir se afogando nas emoções, se sentido sufocado nas atividades e aos poucos se sentir sem poder para lidar com tudo.

Nessas horas, me ajuda me lembrar que o tempo pode ser um aliado e não um inimigo. Não se trata de lutar contra o tempo e tentar fazer mais do que é possível fazer em 24 horas, mas usar o tempo para fazer as coisas com paciência e sem precisar necessariamente terminar tudo.

É lembrar que temos uma vida toda pela frente. Que não viemos aqui para ticar checklists e finalizar tarefas, mas sim para viver da forma mais completa possível. É estar completamente mergulhado numa atividade e fazer com a maior concentração e dedicação possível. Se fazemos isso com consistência, a consequência é uma vida em plenitude. Ser pleno não é estar livre de problemas e viver com tudo sob controle. Ser pleno é estar completamente entregue ao que a vida nos oferece e viver sem resistência, mergulhando profundamente em cada experiência.

Aos poucos aprender a dedicar a cada atividade o tempo que ela necessita para que seja feita. Não dá pra fazer um bolo deixando ele menos tempo no forno que ele precisa. Não é possível se sentir revigorado tomando um banho muito rápido ou se sentir descansado sem dormir o tempo que seu corpo precisa. Da mesma forma, não dá pra se sentir realizado sem dedicar tempo suficiente para aquilo que nos nutre. Sem passar tempo com as pessoas que amamos, sem fazer uma tarefa com calma e profundidade.

Um tempo atrás eu estava me sentindo sufocado e quase que me afogando em meio a tantas atividades. Eu estava reclamando comigo mesmo que era muita coisa pra fazer. E aí veio aquela voz interna que fala em silêncio aqui dentro e me veio: “Não existe muita coisa pra fazer. A cada instante existe apenas uma coisa que precisa ser feita. Faça.”

Foi como um tapa na cara sutil, e eu entendi que estava preso num loop de pensamentos e ficava apenas pensando e reclamando, ao invés de fazer uma coisa de cada vez. Fazer uma coisa de cada vez, com dedicação e isolar a influência das outras atividades é uma boa prática.

Neste momento estou completamente mergulhado neste texto. Se começo a pensar nas coisas que ainda preciso fazer hoje ou essa semana, minha vontade é de finalizar logo por aqui e eu perco a profundidade que cada palavra me traz enquanto escrevo.

Aprender a usar o tempo como aliado, dar o tempo necessário a cada atividade e não se sufocar em tudo que ainda não foi feito é um grande exercício e uma prática diária.

Escrevo este texto com a intenção de abrir um canal de compartilhamento com as pessoas que gostam da forma como eu enxergo a vida e querem se aprofundar um pouco em si mesmas a partir das minhas reflexões e aprendizados.

Você é muito bem vindo ou bem vinda aqui.

Toda segunda vou compartilhar uma reflexão aqui e vai ser uma alegria ter sua companhia.

Desejo uma semana abençoada e que os mistérios da vida possam lhe revelar surpresas agradáveis e de muito aprendizado.

.

.

Alguns links com dicas aqui pra vocês:

  • Música para escrever e se inspirar:

  • Dica de filme que assisti esses dias:

    O menino que descobriu o vento.

https://www.netflix.com/title/80200047

Filme lindo lindo. Para mim, uma aula de política. Fala sobre educação, inovação, ciência, relação com a terra, agricultura, vida em comunidade, ancestralidade, paternidade, masculinidade. Tem tantos insights sobre esse filme que renderia um conteúdo só sobre ele. Quem sabe não fazemos um encontro para conversar sobre filmes?

  • Uma informação adicional que pode interessar a algumas pessoas. Neste sábado, dia 24/07, inicio a próxima turma de Escrita Intuitiva, uma jornada de autoconhecimento em 4 encontros ao vivo onde vamos usar a escrita como ferramenta para este aprofundamento em nós mesmos. É o meu trabalho mais refinado e acredito que pode ser bem valioso para você, caso sinta esse chamado.

https://www.sympla.com.br/escrita-intuitiva---turma-7__1257330

Boa semana!

Gustavo Tanaka